Espectáculos em cena para digressão 2012

 Shows

em cena para digressão

ETC...

_________________________________________________________________

Pequenas histórias de um lugar onde os seus habitantes vivem as mais variadas peripécias. A inocência das ações resulta em momentos hilariantes de humor vividos pelas personagens esculpidas em esponja. Os sons e os movimentos substituem as palavras, as marionetas cativam-nos com a sua simplicidade transportando-nos para um lugar mágico e cativante e etc., etc., etc… entretanto o pequeno cão fez algo que não devia, o gato brinca com um balão e etc., etc. e etc…



Original e Encenação: José Gil, Natacha Costa Pereira e Sofia Vinagre


Produção: S.A.Marionetas –Teatro & Bonecos



Espectáculo sem palavras

 

Duração:45 minutos / classificação: maiores de 4 anos / espectáculo de espaços interiores e exteriores
 

______________________________________________________________________________________________________________________________________________

A Farsa do Sapateiro

__________________________________________________________________________________________

​“Gil Vicente estreia a sua nova comédia nas festas do casamento de D. Isabel com Carlos V. A dias de estrear a sua nova obra, entra em desespero pois faltam os sapatos para os actores que seriam feitos pelo sapateiro real. Como este não aparece Gil Vicente resolve ir a sua casa ver o que se está a passar.

Em Torres Novas depois de ser chamado pelo rei para entregar sapatos novos para usar nas cortes, este ficou em casa a tentar acabar os sapatos encomendados por Gil Vicente, mas estava sempre a ser interrompido pelo cobrador de impostos que com medo que não chegasse o dinheiro para o dote da rainha, pedia sempre mais dinheiro.”



Texto Original e Encenação: Rui Sousa, José Gil, Natacha Costa Pereira e Sofia Vinagre



Produção: S.A.Marionetas –Teatro & Bonecos




Duração: 30 minutos / classificação: todas as idades / espectáculo itinerante de rua ou para espaços interiores



______________________________________________________________________________________________________________________________________________

Fado Portugal - uma história de faca e alguidar

__________________________________________________________________________________________



é uma viagem ao ambiente boémio do início do século XX em Portugal onde o Fado começa a aparecer.

As personagens do quadro do pintor Malhoa ganham vida e a Adelaide da Facada e o Amâncio vão viver várias peripécias onde se retrata, o “sentir” e o “ser português” bem como o “FADO Português”. A saudade, a tristeza, a alegria, o amor, são os sentimentos que caracterizam o povo português e que se retratam neste espectáculo.
Do fado vadio às desgarradas as personagens preenchem o espaço onde o movimento e a música ocupam o lugar da palavra.



Texto Original e Encenação: Sofia Vinagre, José Gil e Natacha Costa Pereira 


Co-Produção: Museu da Marioneta de Lisboa/EGEAC e S.A.Marionetas –Teatro & Bonecos


Duração: 50 minutos / classificação: Maiores de 6 anos / espectáculo de sala com caixa negra



______________________________________________________________________________________________________________________________________________

Theatrum Puparum

Inês de Castro

Padeira de Aljubarrota

___________________________________________________________________________________________

 

O “Theatrum Puparum” (teatro de bonecos) conta com 20 marionetas de varão que trabalham num ambiente medieval. Bonecos feitos de pau e barro manipulados por duas lindas donzelas, os bonifrates iluminados a candeias de azeite  relatam as Histórias de “D. Inês de Castro” e/ou “ A Padeira de Aljubarrota”

 

Texto Original e Encenação:  José Gil, Natacha Costa Pereira e Sofia Vinagre


Produção: S.A.Marionetas –Teatro & Bonecos


Duração: 30 minutos (cada história) / classificação: maiores de 4 anos / espectáculo para espaços interiores e exteriores

______________________________________________________________________________________________________________________________________________

1/16

Teatro D.Roberto

teatro tradicional português de marionetas

_____________________________________________________________________________________________

- O Barbeiro Diabólico

- A Tourada

- O Castelo dos fantasmas

- Rosa e os três namorados

O Teatro de Robertos representa, seguramente, uma das tradições mais antigas das artes cénicas, não só na sua vertente portuguesa e europeia, mas também nos heróis populares do oriente. De facto, a origem desta forma de arte popular de representação remonta, na tradição europeia à Commedia dell' Arte italiana do século XVI e não parece ser improvável que as tradições orientais tenham tido, de alguma forma, influência na evolução deste tipo tradicional de representação.

A S.A.Marionetas, tendo tido o privilégio do contacto directo com o Mestre António Dias, um dos últimos fantocheiros populares portugueses, recriou, a partir do seu testemunho, duas peças - “O Barbeiro” e “A Tourada”. Mais recentemente, e procurando preservar esta forma de arte tradicional, a companhia recuperou mais duas peças do repertório de Teatro de Robertos - “A Rosa e os 3 Namorados” e “O Castelo dos Fantasmas”.

Pretende-se assim, não deixar desaparecer o teatro de Robertos, enquanto herança cultural portuguesa.

Bonecreiro: José Gil

______________________________________________________________________________________________________________________________________________

T UB I C

__________________________________________________________________________________________

 

"TUBIC é uma animada conversa sem palavras entre os marionetistas e o tubista virtuoso, Sérgio Carolino. As figuras simples de esponja apresentam uma série de sketches, que são, no seu conjunto e individualmente, cativantes e encantadores.

As marionetas são deliciosas e prometemos que nunca antes ouviu tuba tocada desta maneira. Quer seja um apreciador de música, ou marionetas, ou ambos, este espectáculo vai certamente deixá-lo a sorrir."

Clive Chandler (Director do festival Dynamics-International Puppet Festival-Birmingham-England

Ideia original e Encenação:  José Gil e Sérgio Carolino


Produção: S.A.Marionetas –Teatro & Bonecos 



Espectáculo sem palavras


Duração: 45 minutos  / classificação: maiores de 4 anos / espectáculo para sala com caixa negra

______________________________________________________________________________________________________________________________________________

Portucale

___________________________________________



“Portucale” recria o período desde o casamento de D. Henrique com D. Teresa até à batalha de Ourique onde D. Afonso Henriques é aclamado de “Rei” pelos seus soldados entusiasmados pela vitória.

Utilizam-se marionetas de mesa e varão que trabalham numa estrutura móvel. As actuações realizam-se em cima da estrutura, mas quando transportada pelos três elementos da trupe, esta, tem uma cobertura de pano e é decorada por duas gárgulas recriando um animal de duas cabeças. Utiliza-se assim um símbolo bastante popular usado na época, ficando todo o palco disfarçado de carroça/animal.
Através da pesquisa em iluminuras e textos da época reproduzimos duas das possíveis técnicas de manipulação que eram utilizadas.



Texto Original e Encenação: Natacha Costa Pereira,  José Gil e Sofia Vinagre


Produção: S.A.Marionetas –Teatro & Bonecos


Duração: 30 minutos / classificação: todas as idades / espectáculo itinerante para espaços exteriores



______________________________________________________________________________________________________________________________________________

A ver navios no reinado de D.João VI e Carlota Joaquina

___________________________________________________________________



1807, Novembro. Quase às portas de Lisboa as tropas de Napoleão ameaçam fazer capitular o Rei,

como já aconteceu por toda a Europa e mesmo com a vizinha Espanha
com quem tinha anteriormente feito uma coligação.
No gabinete D. João VI reúne com os seus conselheiros. Tem que decidir se entra no Bloqueio Continental decretado por Napoleão contra os Ingleses, ou se parte numa viagem jamais feita por um monarca europeu contando com o apoio dos “sempre presentes e velhos aliados” Ingleses.
Em Lisboa, capital do reino corre-se desenfreadamente. Finalmente foi tomada a decisão há muito pensada e por todos adiada. A corte vai partir numa viagem inédita. Transfere-se a Rainha, o Príncipe Regente, a Princesa sua mulher, os príncipes e as princesas, ministros, conselheiros, tesoureiros, secretários, esmoleres, alcaides, escrivãos, criados, pratas, livros, ouros, quadros, porcelanas… para o outro lado do oceano.



Texto Original e Encenação: Natacha Costa Pereira,  José Gil, Sofia Vinagre e Rui Sousa


Co-Produção: Cine-teatro de Alcobaça e S.A.Marionetas –Teatro & Bonecos


Duração: 50 minutos / classificação: maiores de 6 anos / espectáculo para espaços interiores


Espectáculo integrado nas comemorações dos 200 anos Portugal / Brasil

______________________________________________________________________________________________________________________________________________

Res publica a caricatura ao serviço da tristeza pública

__________________________________________________________________________________________________________



Nesta produção mantém-se a preocupação de relatar os acontecimentos históricos, tanto a nível político como a nível social, utilizando para o efeito marionetas de fios.
A construção das marionetas é inspirada na obra caricatural de Rafael Bordalo Pinheiro, criando assim personagens que são caricaturas vivas que representam os intervenientes dos acontecimentos que culminaram na revolução de 1910.
Bordalo Pinheiro e sua personagem mais famosa Zé Povinho encontram-se para em conversa animada, contarem um ao outro os acontecimentos que levaram à implantação da República. Bordalo faleceu antes de tudo acontecer, mas o seu Zé vai-lhe contar como tudo aconteceu. Os artistas contemporâneos da época também assistiram, e aparecem para dar uma pincelada ou um toque de poesia aos acontecimentos.
Um país no caos, um rei apagado, um povo revoltado, e a caricatura ao serviço da tristeza pública.



​Texto Original e Encenação: Natacha Costa Pereira,  José Gil, Sofia Vinagre 



Co-Produção: S.A.Marionetas –Teatro & Bonecos


Duração: 50 minutos / classificação: maiores de 6 anos / espectáculo para espaços interiores


(Espectáculo proposto para as comemorações nacionais do centenário da República)

______________________________________________________________________________________________________________________________________________

______________________________________________________________________________________________________________________________________________

1/11

O Povoador​
_________________________________________________________________

Esta nova produção conta a vida de D.Sancho I, filho de D.Afonso Henriques. Mais uma vez a S.A.Marionetas aborda a historia de Portugal numa produção em teatro de marionetas de cariz medieval, onde as marionetas e os actores/marionetistas interagem com o público. São marionetas esculpidas em madeira, que se apresentam numa estrutura móvel, acompanhadas por musicos, marionetistas e actores. Tudo isto numa versão divertida, onde se conta a história do segundo rei de Portugal, D.Sancho I, O Povoador.

Texto Original e Encenação: Rui Sousa, José Gil, Natacha Costa Pereira e Sofia Vinagre



Apoio na Produção: Marionetas da Feira
Produção: S.A.Marionetas –Teatro & Bonecos




Duração: 30 minutos / classificação: todas as idades / espectáculo itinerante de rua

O mistério dos livros desaparecidos

__________________________________________________________________________________________________

No Reino onde Joãozinho vivia, a rainha era rabugenta, o rei era mandão,
o guarda do castelo era implacável...
Tudo corria bem, até que certo dia, "vjerrum",
desapareceram todos os livros e letras do reino.
Um mistério que ele e os seus amigos vão tentar desvendar,
seguindo a única pista que o misterioso ladrão deixou para trás...



Texto Original e Encenação:  José Gil


Produção: S.A.Marionetas –Teatro & Bonecos

Duração: 40 minutos / classificação: maiores de 4 anos / espectáculo para espaços interiores

S.A.Marionetas - Teatro & Bonecos, TEM O APOIO de:

todos os conteúdos estão protegidos pelos direitos dos autores - s.a.marionetas © 1997 

...página em permanente actualização...